Pontos de Interesse

Classificação
Featured/Unfeatured
Claimed/Unclaimed
Restaurante O Concelho (3).jpg
41.542046,-6.325379
(+351)273417073(+351)273417073

Descrição

Pequeno restaurante de aldeia, serve diárias, essencialmente com pratos tradicionais da região. Mediante encomenda, serve maior diversidade de pratos.

Cozinha simples, tradicional, atendimento simples quase familiar.

Serviços e comodidades:

[one_third]
  • Climatização
  • Esplanada
  • Produtos biológicos

[/one_third]
[one_third]

  • Estacionamento
  • Festas e eventos
  • Internet gratuita

[/one_third]
[one_third]

  • Bar
  • Não fumadores
  • Espanhol

[/one_third]

Igreja da Sé_.jpg
41.805842, -6.756629

Datação: século XVI/XVIII

Descrição: na fachada, no alçado norte, rasga-se um portal da renascença, com alguns elementos já da estética barroca, constituído por um arco de volta perfeita encimado por dois medalhões. O entablamento está assente em duas pilastras de capitéis compósitos e o frontão apresenta nos extremos dois pináculos, no centro deste surge um nicho que alberga uma imagem da Virgem com o Menino, flanqueado por duas pilastras. Sobre este rasgou-se, posteriormente, uma rosácea lobulada. Interiormente, o espaço da nave rectangular está ornado por retábulos de talha dourada barroca. Do lado da Epístola, encontram-se mais dois retábulos barrocos, um dos quais já com ornatos rocaille. Neste lado, destaca-se o púlpito seiscentista, de estrado em cantaria e balaústres feitos em pau-preto, tal como o dossel. O coro alto barroco também é balaustrado. A cobertura da capela-mor é abobadada e nela nota-se a mistura de influências góticas e renascentistas.

Est. De Conservação: muito bom.

Lendas e Tradições: na freguesia da Sé as principais festas religiosas são a de Nossa Senhora das Graças, que realiza entre os dias 12 e 22 de Agosto, a do Santo Condestável em Junho e a dos Santos Mártires em Julho.

Fonte: Património dos Concelhos da Terra Fria Concelho de Bragança VOLUME I

Capela de Santo Albino Barreiros (12).jpg
41.4159763,-6.346633

Descrição: Capela arruinada da qual restam vestígios das paredes e da capela-mor. Nas imediações subsistem dois lagares escavados na rocha.

P1060193.jpg
41.833543,-7.00992
+351273772456+351273772456

O restaurante “O Delfim”, fazendo jus à vila onde está instalado, serve o melhor fumeiro da região, Fumeiro de Vinhais certificado, os 12 meses do ano. Da ementa fazem parte diversos pratos típicos regionais com especial destaque para o “cordeirinho na brasa”, “posta de vitela” e leitão. Funciona das 8h00 às 02h00, encerra ao Sábado. Tem duas salas, uma com 86 lugares, outra, vocacionada para organizar festas e eventos, com 150 lugares.

Preço médio: 8€

Serviços e comodidades:

[one_third]
  • Festas e Eventos
  • Cartão de Crédito
  • Produtos Certificados
  • Acessibilidade pessoas com deficiência

[/one_third]
[one_third]

  • Estacionamento
  • Wi-Fi
  • Multibanco
  • Climatização
  • Carta de Vinhos

[/one_third]
[one_third]

  • Não Fumadores
  • Chef
  • Cocktail Bar
  • Espanhol

[/one_third]

 

3160986.jpg
[youtube video="s16R0MTTl14" width="700" height="420"]

O Hotel Estalagem Turismo, foi fundado em 1987 e é conhecido pelo seu bom serviço e pela excelência dada à cozinha tradicional Portuguesa, acompanhada pelos melhores vinhos das várias regiões do país.

O hotel tem parque privativo com capacidade para 150 automóveis e garagens privativas.

O Hotel Estalagem Turismo conta com 40 quartos com uma vista privilegiada para a natureza, revelando um estilo de rara beleza e comodidade. Todos os quartos estão equipados com TV, telefone, ar condicionado, casa de banho privativa e varanda. Tem ainda duas salas para realização de eventos.

Intervalo de preços: 45 a 60

Serviços e comodidades:

[one_third]

  • Climatização
  • Piscina
  • Turístico
  • Gay friendly
  • Internet sem fios gratuita
  • Serviço de quartos
  • Restaurante
  • Acessibilidade para pessoas com deficiência

[/one_third] [one_third]

  • Estacionamento gratuito
  • Receção 24 horas
  • Aceita cartões de crédito
  • Quartos fumadores
  • Reservas online
  • Reserva mediante pagamento
  • Cancelamento de reservas sem custos

[/one_third] [one_third]

  • Bar
  • Bar 24 horas
  • Elevador
  • Lareira
  • Inglês
  • Espanhol
  • Francês

[/one_third]

 

 

dourointernacional.jpg2.jpg
41.269868, -6.642433

O Parque Natural inclui os concelhos de Figueira de Castelo Rodrigo, Freixo de Espada à Cinta, Miranda do Douro e Mogadouro, totalizando uma área de 85.150 ha, e abrange o troço fronteiriço do Rio Douro assim como as superfícies planálticas confinantes. O concelho de Miranda do Douro tem o privilégio de pertencer a este parque, o que nos confere ainda mais valor, pois torna-se o local escolhido por muitas espécies animais para constituir o seu habitat, oferecendo também condições ideais para proliferação de determinadas espécies vegetais. O relevo do concelho de Miranda do Douro é caracterizado por declivosas vertentes ou arribas onde o Rio Douro assume uma estrutura de canhão fluvial graças à sua geomorfologia. A sua orografia adquire por isso características geológicas e climáticas únicas condicionando a população vegetal e animal. A avifauna adquire uma importância significativa a nível nacional, e até internacional, quando associado às atividades humanas e ao património cultural local, a conjugação de todas estas condições justificaram a denominação desta área como Parque Natural do Douro Internacional.

miradouro carreirão das arribas.jpg
41.3508367,-6.4170464

Oferece deslumbrante vista sobre o rio Douro

domus.jpg
41.803558,-6.749087

O ex-libris da cidade de Bragança é um monumento excepcionalmente raro no panorama artístico nacional, que suscita grande controvérsia e discussão quanto à sua datação, ao seu estilo artístico e à função para que foi destinado. Parece tratar-se de uma cisterna, de grandes proporções, com abóbada e três arcos torais, à qual se acrescentou um novo edifício na parte superior. Aqui o volume da cisterna foi aproveitado para se edificar sobre ela uma sala de reuniões, onde funcionaram as sessões camarárias, um pouco à imagem de Chaves. Nesta sala, iluminada por um conjunto de arcos de volta perfeita, foi introduzido um banco corrido de pedra. Para alguns autores esta bancada servia de assento aos edis, enquanto para outros era usada pelas mulheres para pousarem os cântaros, enquanto esperavam a sua vez de tirar a água. A cobertura deste espaço é feita através de um telhado com um sistema de escoamento das águas pluviais, canalizadas para a cisterna. O pavimento interior, composto por lajes de granito, assenta sobre a abóbada da cisterna e está 1,56 metros acima do solo.

Datação: propõem-se várias datas para a construção deste edifício, que variam entre os séculos XII e XIV.

Classificação: MN (Dec. de 16-6-1910, Boletim nº4 da DGEMN)

Fonte: Património dos Concelhos da Terra Fria Concelho de Bragança VOLUME I

Capela de Santo António.jpg
41.808893,-6.758351

A capela de pequenas dimensões ergue-se do solo sobre um conjunto de degraus de granito. Na fachada surge o escudo real, em cantaria de granito barroca. Interiormente o espaço está coberto por uma abóbada em cujo fecho se ostenta o brasão da família dos Figueiredos e Sarmentos. No exterior, junto da entrada, há um túmulo de granito do fundador deste espaço religioso, aqui sepultado a 2 de Fevereiro de 1713.

Datação: século XVIII.

Est. De Conservação: bom.

Fonte: Património dos Concelhos da Terra Fria Concelho de Bragança VOLUME I

Igreja São marrtinho de Angueira - MD (8).JPG
41.6393817 -6.3477595

Este templo apresenta dois retábulos com características próprias desta arte e muito frequente nesta região. O retábulo do altar-mor, estilo Joanino, tem colunas salomónicas ornamentadas com grinaldas de rosas, os festões verticais em forma de trança são dispostos como uma pirâmide invertida, o arco que parte das colunas está ornamentado com elementos de talha e no centro tem uma tarja que contém as chaves e a teara, armas pontifícias de São Pedro, padroeiro da Igreja de São Martinho.

Um outro elemento Joanino é o sacrário semelhante a um cofre com a porta em forma de medalhão. O aro do camarim deixa a forma de pórtico para parecer um arco de triunfo, ornamentado na parte interior com frisos onde se veem festões em toda a extensão. A sua tribuna é também Joanina.

Quanto ao retábulo de Nossa Senhora do Rosário, as mísulas e os próprios nichos são muito semelhantes às mísulas e nichos do retábulo do altar-mor de São Martinho de Angueira, bem como muitos outros pormenores arquitetónicos, o que leva a crer que terá sido o mesmo entalhador a fazer as duas obras.

É de salientar ainda a recente restauração (1996) de todas as talhas douradas da Igreja Matriz.

Datação: Época Moderna

Estado de Conservação: Bom

Fonte: http://smartinho.jfreguesia.com/locais.php

Showing 1 - 10 of 348 results
Translate »