Try Nordestin’ promove o Nordeste de Portugal na Intourmarket, em Moscovo, Rússia

11 Março 2014
Comentários 0
11 Março 2014, Comentários 0

A Plataforma de Gestão de Destino Turístico Try Nordestin’, que representa o Nordeste de Portugal, é a única presença portuguesa na Intourmarket 2014| Feira Internacional de Viagens e Turismo, que decorre de 15 a 18 de Março em Moscovo, na Rússia.
Sendo uma das maiores feiras de turismo da Europa, e uma das mais importantes na Rússia, a Intourmarket tem uma área total de exposição de 29 mil metros quadrados, contando com mais de 1400 expositores, oriundos de 143 países. Neste certame são esperados mais de 85 mil visitantes e 320 jornalistas acreditados, oriundos de diversos países.

A presença do Try Nordestin’ no evento é assegurada pela Corane – Associação e Desenvolvimento dos Concelhos da Raia Nordestina, território onde arrancou a implementação daquela plataforma, e pela Desteque – Associação de Desenvolvimento da Terra Quente, que acaba de aderir ao projeto. “O objetivo é claro, temos um enorme potencial turístico, que pretendemos organizar, temos de o promover nos mercados tradicionais mas também nos mercados emissores atrativos e emergentes, e a Rússia é um deles, já que tem o tipo de nicho de visitante que se adequa ao nosso território sendo portanto uma boa estratégia para alcançar esses objetivos”, refere a coordenadora da Desteque, Aurora Ribeira.
Os conteúdos e a informação para este evento foram trabalhados com todo o cuidado. “Apostamos numa campanha informativa bem representativa de todo o território, (e não apenas da Terra Fria e da terra Quente) de promoção dos produtos e oferta mais fortes e usamos imagens bem apelativas, tivemos todo o território a colaborar na hora de organizar ainformação”, explica Luísa Pires, coordenadora da Corane.
Nesta altura o programa comunitário que sustentou a criação do projeto terminou mas aquelas responsáveis garantem que este não é mais um projeto “para morrer assim que termina a comparticipação comunitária”. A ideia base deste projeto foi organizar a oferta e sobretudo criar ferramentas, de forma profissionalizada, para que os artesãos, os apicultores, os produtores de fumeiro e outros pequenos empresários, entre outros, que acabam por dar um enorme contributo em termos de oferta qualitativa diferenciadora, possam dar a conhecer o que fazem. Associou-se a restauração, o alojamento, o património, os equipamentos culturais, os espaços de lazer, as salas de congressos, os Spa, e tantos outros Pontos de Interesse, que no seu conjunto reúnem condições de atratividade e competitividade com outros territórios imprescindíveis para a afirmação do destino Nordeste de Portugal. “Não podemos trabalhar a promoção de forma isolada, nem limitada a dois ou três concelhos nem limitada a meia dizia de produtos, precisamos de agregar, ganhar escala e assim acreditamos que desta vez vai ser diferente”, opina Aurora Ribeiro, sublinhando que o Turismo há muitos anos que é apontado como “o caminho” para o desenvolvimento deste território, sem que se tenham alcançado resultados visíveis até ao momento, “se calhar porque faltou este esforço conjunto, esta união”, remata. “Este projeto tem a mais-valia de ter sido criado de baixo para cima, nós como entidades responsáveis pelo desenvolvimento rural, sentimos que os produtores reclamavam este tipo de iniciativas, que se trabalhasse o turismo de forma séria e profissional”, defende Luísa Pires.

Na Intourmarket 2014 os principais setores em destaque são: Verão e lazer, turismo de negócios, férias de aventura, SPA, bem-estar e saúde, destinos exóticos e sol, destinos turísticos Eco, city tours e passeios, lazer infantil, turismo educacional, museus e parques nacionais, cruzeiros, hotel e serviço de restaurante.

O Nordeste de Portugal (Trás-os-Montes e Alto Douro) apresenta oferta em cada um destes itens e é essa informação que vai levar para a Rússia.
Para além da promoção direta, em stand próprio, o objetivo desta participação é também distribuir material informativo pelos grandes grupos, agências de viagens, profissionais de turismo, jornalistas, bloggers, etc., procurando despertar-lhes o interesse para que o Nordeste de Portugal possa integra os pacotes que comercializam. Algum desse material, nomeadamente as brochuras, vão ser distribuídas em simultâneo na BTL, em Lisboa, que decorre na mesma data. “Nós vamos marcar presença com um stand modesto mas muito bem pensado em termos
comunicacionais, temos objetivos bem definidos e estamos certos que os vamos alcançar”, diz Luísa Pires, garantindo que esta iniciativa é apenas uma das pensadas para o corrente ano, “e que vamos revelar em breve”, garante. “O facto de nos termos conseguido organizar para promover o território em conjunto, de marcarmos presença num evento desta natureza com baixíssimos custos, já é uma conquista muito positiva e o início de um novo caminho que, estamos certos, vai dar frutos”, conclui Aurora Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *