Pontos de Interesse

41.835197,-7.00152

Em 1580 e 1587 foi fundado pelo Dr. António Alvares Ferreira, Juiz de Fora, e sua mulher, D. Helena de Nóvoa, tendo chegado a integrar 112 clarissas.

A degradação do edifício, um grande incêndio sofrido em 1838 e a falta de noviças ditaram o seu declínio, tendo sido extinto em 1879, ano em que parte da cerca do e edifício foram cedidas para a construção dos atuais Paços do Concelho.

Lendas:

Os feijões da Madre Garcia: é costume dizer-se na região, sobretudo em Vinhais, no que se refere a duração de qualquer alimento: «rende como os feijões da Madre Garcia». No convento de Santa Clara existiu uma freira que morreu com fama de santidade, de sobrenome Garcia. Como era despenseira, os mantimentos rendiam-lhe mais que às outras; durante muito tempo gastou da reduzida colheita dos feijões sem abaixar o depósito.

Consta-se que, «em mau ano agrícola, a virtuosa freira governou as companheiras e matou a fome a muitos pobres com a parca colheita que tinha no celeiro». (Martins, P.e Firmino Augusto, Folklore do Concelho de Vinhais, 1ºvol., Vinhais, 1997).

 

Morada
Rua das Freiras, 5320-272 Vinhais