Datação: edifício do último quartel do século XVII.

Descrição: É um edifício do último quartel do século XVII, um solar rural de dois pisos, cuja fachada é constituída por uma diminuta escadaria em cantaria e por três janelas sem varandas, concentrando estas o Brasão com a heráldica familiar dos Sarmento, Leite, Ferreira e Morais. José Joaquim de Figueiredo de Morais Pimentel (1852 – 1940) foi o último Morgado, de Rio de Fornos. Cedeu o Solar em testamento ao Seminário de Vinhais. Recentemente foi adquirido pela câmara municipal e, atualmente, mantendo a traça original, é a Hospedaria do Parque Biológico de Vinhais.

A hospedaria pode suportar um total de 50 pessoas (ver quadro abaixo), sendo disponibilizada pelo Parque Biológico de Vinhais (PBV) roupa de cama e de banho limpa.

Normalmente o PBV aluga este espaço apenas para grandes grupos de pessoas sendo ideal para determinadas épocas do ano, tais como Natal, Passagem de ano, entre outras.

Descrição do espaço

Quarto castanho nº 1    Quarto duplo com wc privativo (2 pessoas)

Quarto castanho nº 2    Quarto duplo com wc privativo (2 pessoas)

Quarto roxo       Capacidade: 8 pessoas (camaratas)

Quarto lilás         Capacidade: 14 pessoas (camaratas)

Quarto verde    Capacidade: 10 pessoas (camaratas)

Quarto azul        Capacidade: 14 pessoas (camaratas)

Intervalo de preços: de 13 a 35 €

Aluguer da Hospedaria para festas e eventos (sem quartos) 

Época Baixa/Época Alta 350 €

Morada
Rio de Fornos, Vinhais